A Revista de Negócios dos Atacadistas Distribuidores

Pesquisa inédita traz dados para remuneração do setor

186

A palestra Cargos, Salários e Benefícios Praticados pelas Empresas do Setor, apresentada na ABAD 2017 São Paulo, trouxe os principais resultados da pesquisa realizada especialmente para a ABAD pela IDEE, consultoria especializada em Gestão Empresarial, com foco em desenvolvimento organizacional e de pessoas, entre abril e junho deste ano.

A pesquisa contou com especial participação de duas grandes empresas do setor: o Grupo Martins e o Grupo Destro. Sua importância, ressalta Leandro Rodrigues, Gerente de RH do Grupo Destro, é trazer informações que agregam dados relevantes para a tomada de decisões e que retratam a realidade do setor, diferentemente de pesquisas generalistas que reúnem dados de segmentos diversos.

Fabrício Alves Pereira, Gerente de RH do Grupo Martins, lembra que, ao contrário do que ocorria antigamente, quando as empresas procuravam esconder seus números, hoje é preciso encarar as informações não como propriedade privada, mas do mercado. “Quanto mais informações são compartilhadas, mais o setor se fortalece”, afirma.

Mas fica claro que as informações fornecidas são preservadas. Os dados são protegidos por contato de confidencialidade e não podem ser acessados por ninguém além dos técnicos da consultoria, nem mesmo pela ABAD. “Existe uma preocupação com a transparência e lisura do processo, não podemos quebrar a confiança das empresas”, diz  Roberto Pissinatti, Diretor da IDEE.

Ele explica que todos os resultados são gerados e divulgados em termos de médias – média entre os cargos, média entre as regiões – para que não haja exposição de nenhum dado individualizado dos participantes.

Este é o primeiro estudo de cargos, salários e benefícios realizado exclusivamente com respondentes do setor. Foram 50 empresas pesquisadas, das cinco regiões do Brasil, sendo oito do Sul, nove do Sudeste, sete do Norte, dez do Nordeste e nove do Centro-Oeste, com 30 mil informações coletadas sobre cerca de 300 executivos, 500 líderes, 380 especialistas e analistas e 11 mil funcionários administrativos, com grande foco nas áreas operacional e vendas.

Além dos dados pesquisados quantitativamente como valor médio de salários e remunerações variáveis por cargo e por região, a IDEE também traz dados qualitativos, especialmente no quesito ‘benefícios’, apontando os tipos de benefícios mais oferecidos pelas empresas. Também avaliou indicadores como como custo salarial e turn over.

Os participantes do estudo recebem um relatório detalhado que serve de parâmetro de mercado e permite situar sua empresa em relação à média do setor, auxiliando os gestores a identificar necessidades de ajustes, oportunidades de implantação de novos modelos de remuneração e avaliar o impacto dos salários nas despesas totais da empresa. Com dados regionalizados, o estudo é especialmente interessante para empresas que atuam em mais de uma região e precisam ter parâmetros claros de remuneração para cada uma delas. São informações relevantes  para o fortalecimento do negócio.

“Consideramos a pesquisa um sucesso, com uma representatividade muito boa, e esperamos aumentar o número de participantes e de cargos para a próxima edição”, disse Roberto Pissinatti, Diretor da IDEE.

As empresas que desejarem fazer parte do próximo estudo podem entrar em contato com a ABAD.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.