Como se dar bem ao procurar emprego em 6 passos

1

O Brasil tem atualmente um índice de desemprego acima da média mundial e mais de 11,6 milhões de desempregados em busca de recolocação no mercado,

Para facilitar a procura por um emprego, a Luciana Ferreira, Coach e presidente do Grupo Elemento RH, separou algumas dicas valiosas e eficientes que podem agilizar o processo. Veja:

1-   Planeje e defina uma estratégia para enviar o currículo

Assim, como ocorre no ambiente de trabalho, é fundamental que o profissional elabore um planeje e trace uma estratégia adequada ao enviar seu currículo, assim há mais chances de chegar à pessoa e à empresa certa.

Aproveite e faça duas listas, sendo uma com as empresas que você gostaria de trabalhar e outra com profissionais da sua área para contatar e ativar seu networking. Isso é fundamental para abrir novos caminhos, pois os contatos podem te ajudar.

2-   Ative seu networking

Mesmo que esteja empregado, o networking é o mais poderoso ativo não somente para quem busca recolocação, mas também para ajudá-lo em seu desenvolvimento ou em algum projeto que você tenha na carreira.

3-   Mantenha o currículo atualizado

Lembre-se de que você é sua marca/produto o tempo todo, então é importante elaborar e atualizar corretamente o currículo, pois ele é o seu cartão de visitas. É por meio dele que o recrutador vai te conhecer.

Procure ressaltar seus resultados e atualize suas redes sociais profissionais com estas informações.

4-   Reveja seus propósitos e desejos

Responda à pergunta: Qual a história que você quer contar para si daqui há 5 ou 10 anos?

Realizar uma reflexão acerca de qual caminho irá trilhar é importante. Faça uma análise dos seus pontos fortes e fracos, das suas principais competências, do que você faria e não faria novamente e o que já realizou e ainda pretende realizar. Os recrutadores valorizam profissionais seguros a respeito de seu propósito e que conheçam o mercado em que irão atuar.

5-   Protagonize a sua carreira 

Olhe para frente e veja o que precisa mudar e melhorar no âmbito profissional. Busque cursos de aperfeiçoamento, procure utilizar o tempo livre para seu desenvolver-se continuamente, procure frequentar eventos e palestras para aumentar sua rede de contatos.

Seja na entrevista ou no currículo, destaque sempre características que o diferenciam no mercado. Lembre-se: Em época de procura virtual, passará a frente aquele que fará contato diferenciado via e-mail ou telefone com profissionais, convide-os para um happy hour ou café, colocando-se sempre à disposição de maneira elegante e discreta.

Monitore suas atividades, faça uma planilha para organizar os contatos realizados, almoços, cadastros, data em que aconteceu, entrevistas realizadas e folow up. Uma boa sugestão: Monte um funil de oportunidades.

6-   Entrevistas

Para as entrevistas, seja disciplinado, procure chegar pelo menos 15 minutos antes do horário agendado, esteja preparado e responda as perguntas com segurança, sem esquivar-se. Se a oportunidade for temporária ou autônoma, não descarte a possibilidade, ela pode ser o primeiro passo para ingressar na empresa em questão.

Procure sempre manter-se calmo e confiante, pesquise antes a empresa, seus produtos e serviços, foque em seu interesse, em suas qualidades.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.