Exclusivo: Fabricantes comemoram os 500 anos da Cachaça com ações especiais

1

“Você pensa que cachaça é água? Cachaça não é água não!” A marchinha de Carnaval é até mesmo capaz de comparar seus sabores e composições, mas que a bebida produzida a partir da cana-de-açúcar vende “como água” ninguém pode negar. Também pudera, pois, no auge dos seus 500 anos, a cachaça ocupa o posto de única bebida alcoólica genuinamente brasileira, respondendo por 70% de participação de mercado em volume entre as categorias de destilados. O percentual revelado pela Abrabe – Associação Brasileira de Bebidas aponta para o fato de que a cachaça vem ganhando status de bebida símbolo do Brasil graças à atenção que a indústria tem dedicado ao segmento. Avanços em certificações, prêmios internacionais e investimentos em reposicionamento de marca transformam o tema principal desta matéria em uma boa fonte de renda para quem quer lucrar em ano de comemoração.

Unir o útil ao agradável é a intenção da Cia Müller de Bebidas para o início deste segundo semestre. A fabricante da icônica Cachaça 51 aposta na combinação de uma dose dupla para a categoria. A comemoração dos 500 anos da cachaça coincide com o período da realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, quando se espera que 300 a 500 mil turistas invadam a cidade. O evento servirá de vitrine para apresentar a eles o drinque que é o sinônimo por excelência da categoria, a caipirinha. “Neste mês de agosto, a atenção do mundo estará voltada para o nosso País. É uma ótima oportunidade para a marca intensificar ainda mais a sua visibilidade e reforçar sua posição no mercado nacional”, comenta Rodrigo Maia, diretor-comercial da empresa.

hia vai aumentar sua distribuição no período para atender os 309 quiosques da orla carioca. Aliás, será a única cachaça comercializada durante o evento internacional. Atualmente, a Cia. Müller de Bebidas está entre as três maiores produtoras de cachaça do País. Seu principal produto, a Cachaça 51, detém 40% da categoria em vendas por volume. Listada entre as principais fornecedoras da bebida no canal atacadista distribuidor, a empresa promove ações de incentivo com prêmios para os vendedores que se destacam. “Estimulamos a comercialização dos nossos produtos, pois entendemos que só assim manteremos a distribuição do nosso portfólio em sintonia com a demanda do mercado”, salienta Maia.
A Cia. Müller de Bebidas também investe na expansão da sua linha de produtos com sucessivas inovações, lançando várias marcas em sua categoria. A empresa produz a linha 51 Ice com vários sabores: Limão, Maracujá, Balada (com Guaraná), Kiwi, e Frutas Vermelhas, aos quais se somam a Caninha 29, a Terra Brazilis 51, a Mix 51, o Conhaque Domus, e a 51 Ouro. “Há 12 anos no mercado, a 51 Ice foi a pioneira em bebidas ice à base de cachaça no Brasil, conquistando os jovens e a vice-liderança no segmento de ice”, salienta o executivo. Para comemorar a data histórica, a fabricante lança neste ano três novas versões para a linha Reserva 51.
Um gole de luxo
Nos últimos anos, os agentes de distribuição acompanharam as mudanças no mercado de cachaças, onde foi possível notar a diversificação de opções básicas e regulares para itens de perfil premium. Um exemplo é a Cachaça Middas, que traz em sua composição flocos de ouro comestível 23 quilates. Lançada há dois anos, a bebida encara o desafio de relacionar a categoria ao estímulo do paladar do consumidor. “Hoje em dia, a cachaça é envelhecida em mais de 30 tipos de madeira, o que não acontece com nenhum outro destilado do mundo”, conta Leandro Dias, CEO da Middas Cachaça.

O empresário também conta que, para as comemorações dos 500 anos da bebida, a empresa planeja o lançamento de uma cachaça envelhecida por 20 anos em carvalho europeu. “Será uma edição limitadíssima e numerada, que terá ouro em sua composição, assim como os outros produtos da empresa.” Atualmente, a Middas investe em marketing digital para segmentar seu público-alvo e educá-lo sobre o consumo da bebida de qualidade. “Isso faz com que os distribuidores consigam saber exatamente onde vender e posicionar o produto”, salienta.

Continue lendo esta matéria clicando aqui!

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.