TOTVS foca na indústria de alimentos orgânicos

2

Atenta às demandas dos segmentos em que atua, a TOTVS formatou um pacote de soluções tecnológicas específico para produtores e indústria de alimentícios que seguem restrições ou certificações, como orgânicos, vegetarianos, veganos e produtos livres de lactose e glúten. A oferta inclui desde módulos de rastreabilidade, produção, centralização de informações, qualidade, business intelligence e compliance, até a plataforma de produtividade fluig.
“Temos acompanhado o crescimento de mercados como o de produtos orgânicos, vegetarianos e saudáveis em geral, além de outros que exigem alto nível de controle de processos. Por isso, criamos soluções que dão suporte para esse tipo de produção, garantindo uma gestão simples e eficiente, para que estas empresas que passam por auditorias constantes para manterem suas certificações, tenham tranquilidade para focar em seus negócios core”, comenta Carlos Valle, diretor do segmento de Manufatura da TOTVS.
Muitos fabricantes desse setor começaram pequenos e estão experimentando um crescimento veloz de seus negócios, o que traz também uma série de responsabilidades, como responder rapidamente às exigências fiscais e de órgãos regulatórios; gerir a qualidade e rastreabilidade de produtos; garantir a composição do produto orgânico ou com outro tipo de característica; prever corretamente demandas futuras; reduzir custos nos processos operacionais e logísticos; aumentar a produtividade para atender um mercado em desenvolvimento.

A Floema, indústria de produtos derivados do mel e frutas secas, é cliente TOTVS desde 2010 e faz uso dos módulos de Manufatura, PCP, Compras, Financeiro, Faturamento, Fiscal, Recursos Humanos, Business Intelligence e Contabilidade.
“O sistema é um facilitador do nosso negócio porque nele consigo controlar o cadastro de fornecedores de mel, que devem ser orgânicos, porque, além de abastecer o mercado nacional, exportamos nossos produtos para os EUA. Por lá também consigo ter uma visão geral do negócio, os processos de compras, de faturamento e os indicadores – como as metas dos vendedores e seus status”, conta Humberto Júnior, diretor de operações da companhia.
Já a Superbom, indústria de alimentos voltada para o público fitness e vegano, conta com a flexibilidade do software TOTVS para garantir a procedência de suas matérias primas.
“Por meio do módulo Laboratório, fazemos o processo de verificação de origem da nossa matéria prima. Quando entra uma nova mercadoria, existem campos obrigatórios a serem preenchidos no sistema, customizados para nós, que garantem que qualquer insumo que for utilizado está em conformidade com nossos procedimentos. Com o ERP, também conseguimos nos antecipar a algumas necessidades do mercado. Ele nos acompanha nas mudanças que planejamos, como quando começamos a controlar os produtos por lote”, explica David Gonsaga, gerente de TI da empresa.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.